Festa na Baixa 2012: Museu Soares dos Reis participa na festa
A primeira edição da Festa na Baixa realizou-se em 2006
Foto: DR

Festa na Baixa 2012: Museu Soares dos Reis participa na festa

Marcadores: , ,

A sétima edição da Festa na Baixa realiza-se no Porto de 23 a 26 de maio. À semelhança das edições anteriores, o evento promete trazer muitas iniciativas culturais de diversas áreas à cidade.

De 23 a 26 de maio, realiza-se a 7.ª edição da Festa na Baixa (FNB), que pretende animar a Baixa do Porto com iniciativas culturais de várias áreas.

Iniciado em 2006, o evento é organizado pelo núcleo do Porto do Centro Nacional da Cultura e conta com a colaboração de várias instituições e entidades.

Ao longo dos quatro dias, a FNB vai apresentar 108 eventos que vão desde a música, ao teatro, passando pela dança e pelo cinema, havendo, ainda espaço para exposições, visitas guiadas, workshops e conferências.

Em conferência para apresentação do programa da Festa na Baixa 2012 hoje, terça-feira, no Palacete dos Viscondes, Eduardo Oliveira Fernandes, diretor do Centro Nacional de Cultura do Porto, descreve o evento como "uma janela de acesso à própria cidade", no qual "grande parte das atividades são feitas sem qualquer custo para o Centro".

De acordo com o diretor, o grande destaque deste ano vai para a "forte participação do Museu Soares dos Reis", que considera uma "aquisição extraordinária" e que transmite a "ideia de abertura". "Nós promovemos mais de uma centena de eventos, dos quais cerca de um terço são da nossa exclusiva iniciativa, sendo os restantes parte integrante das agendas dos museus, câmara ou instituições", refere Eduardo Oliveira Fernandes.

Ao contrário de muitos dos eventos culturais nacionais, a Festa na Baixa não se centra nas "'estrelas' que vêm de fora", mas é celebrada pelos "portuenses e pelos turistas que visitam o Porto".

"Tudo se passa em locais abertos"

Uma das particularidades do FNB é o facto de as iniciativas terem lugar, na maioria, em locais públicos, para que todas as pessoas que queiram possam assistir.

Uma vez que a edição do ano passado da Festa na Baixa recebeu cerca de trinta mil visitantes, Eduardo Oliveira Fernandes afirma que, este ano, se pretende "atingir quarenta mil pessoas".

O diretor do Centro Nacional de Cultura do Porto revela que o balanço das edições anteriores do evento "é muito feliz" e realça o facto das pessoas já conhecerem o evento. "A Festa na Baixa já ganhou raízes", garante.

Eventos para todos os gostos

Com diversas entidades e instituições envolvidas, a Festa na Baixa 2012 propõe uma agenda repleta de eventos que vão ao encontro dos mais variados gostos e onde a música ocupa o lugar principal.

Dia 23 de maio, destaque para os "Ofícios de Música", a cargo da Orquestra do Norte, na Igreja dos Clérigos, às 12h00. No dia seguinte, as visitas às reservas de pintura do Museu Soares dos Reis, às 10h00, e a conferência "Fernando Echevarría", por Maria João Reynaud, no Palacete dos Viscondes de Balsemão, às 21h30, marcam alguns dos momentos altos do dia.

Dia 25 de maio, às 11h00, vai ser apresentada, no Museu Soares dos Reis, uma peça de teatro para crianças intitulada "Fiandeira, Olhos nos dedos, Lã Lã Lã". No mesmo dia, a Estação de São Bento vai ser animada pelos grupos de percussão CoMMusl e Academia de Música de Vilar do Paraíso, às 17h00.

No último dia do Festa na Baixa 2012, o destaque vai para o passeio "Do café Astória à Santa Casa da Misericórdia", às 9h00, e para o concerto "Uma viagem de 01h15 pela Música Sacra através dos mestres do Barroco até aos nossos dias".

Votar:
  • a
Pontos: 5 | Classificação: 5.00
zon startup pirates obciber Festival Marés Vivas 2012 noticiasup cdm parglobal ryanair

Logo da Creative Commons ERC ISSN 1646-3064