Incorporar

Vídeo: Investigar a prostituição "experienciando todos os aspectos"

Marcadores: , , ,

Alexandra Oliveira falou ao JPN da sua tese de doutoramento sobre a prostituição de rua na cidade do Porto.

Alexandra Oliveira, investigadora e docente da Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto (FPCEUP), escolheu para sua tese de doutoramento a realização de um trabalho de investigação sobre a prostituição de rua no Porto.

A investigadora utilizou o método etnográfico em que o principal instrumento de investigação é o próprio investigador. O método utiliza a permanência no terreno e a observação participante como as principais fontes de dados.

A investigação desenvolveu-se ao longo de seis anos. A fase mais intensiva de trabalho no terreno foi entre Outubro de 2004 e Outubro de 2005.

Alexandra Oliveira tentou "experienciar todos os aspectos da prostituição de rua", entrando em contacto, não só com as próprias prostitutas, mas também com transexuais que se dedicam à actividade, clientes, familiares ou proprietários das pensões. Na opinião da investigadora, se a actividade fosse legalizada seria melhor acolhida pela sociedade.

Em entrevista ao JPN, Alexandra Oliveira revelou as principais conclusões do seu trabalho.

Votar:
  • a
Pontos: 5 | Classificação: 5.00

Logo da Creative Commons ERC ISSN 1646-3064